+55 (11) 937.049.607


Os livros “Doze Leis de Combate à Corrupção” e “A Corrupção na História do Brasil (2ª edição)” estarão à venda de 01 a 10 de setembro, no espaço da Editora Mackenzie, do estande R17, Pavilhão Verde, da Associação Brasileira das Editoras Universitárias (ABEU).

No dia 06 de setembro, o INAC promove a mesa de debates “Desafios contemporâneos no combate à corrupção”, seguida da sessão de autógrafos pelos autores, às 15h00, com a intermediação de Kátia Brembatti, presidente da ABRAJI – Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. Participam Roberto Livianu, presidente do INAC e procurador de Justiça criminal do Estado de São Paulo; Pedro Ganem Salomão, administrador, influencer e palestrante; Davi Pereira Lago, diretor do INAC, apresentador e professor universitário; e Ana Clara Costa, jornalista, professora e editora da Revista Piauí.

“Doze Leis de Combate à Corrupção” analisa os mecanismos anticorrupção no país

A proposta na obra “Doze Leis de Combate à Corrupção – Hércules em Terras Brasileiras” é narrar os êxitos e analisar como o país tem aperfeiçoado os mecanismos anticorrupção. “Não podemos afirmar que as doze leis contidas nesta obra definiram a vitória no combate à corrupção, pois a vigilância tem que ser permanente e o monitoramento precisa ser constante, quando se trata de recursos públicos e de agentes políticos. O que pretendemos é demostrar pequenas conquistas que alteraram o ‘status quo’ no controle da administração pública e, quiçá, introduziram uma pitada de ‘otimismo’ no combate à corrupção”, destaca Roberto Livianu, presidente do INAC e procurador do MPSP, que coordenou a edição da obra juntamente com a professora Rita Biason. A obra reúne textos de advogados, juristas, professores e especialistas em Direito, com foco no tema corrupção e prefácio da ex-ministra Eliana Calmon.

Os doze capítulos demonstram os esforços de profissionais, de distintas áreas, que atuam diariamente no combate à corrupção. “São processos que demandam força, tenacidade e perseverança para que haja mudança na política brasileira. Assim como Hércules, ou Héracles, temos os nossos trabalhos, nossos propósitos, que não se restringirão a doze anos. Temos uma longa jornada até consolidarmos uma sociedade democrática e virtuosa.”, enfatiza Roberto Livianu.

A Corrupção na História do Brasil (2ª edição)

O livro – organizado por Rita Biason e Roberto Livianu- conta em 16 capítulos a história da corrupção no Brasil desde a chegada dos portugueses em 1.500, que exploraram as riquezas do país, passando pela República Velha e coronelismo, a construção de Brasília, a corrupção no período da ditadura militar. Governo Collor, Itamar Franco e Fernando Henrique; o Mensalão; a Petrobrás e a Operação Lava-Jato. Analisa o impeachment de Dilma Rousseff e o Orçamento Secreto entre outras cenas da corrupção atualizada para o bicentenário da independência.

A segunda edição foi atualizada para o bicentenário da Independência e ampliada com dois novos capítulos, que tratam do orçamento secreto e do desmonte do sistema anticorrupção no Brasil.

A obra conta com a contribuição de especialistas, professores e advogados.

Serviço

Mesa-redonda “Desafios contemporâneos no combate à corrupção”

Data e Horário: Dia 06/09 às 15h00 – mesa de debates com sessão de autógrafos pelos autores

Endereço: Riocentro – Estande R17 – Pavilhão Verde





Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *