+55 (11) 937.049.607


O Theatro Municipal do Rio de Janeiro é cenário das últimas homenagens de duas grandes divas da música brasileira. Foi aberto às 10h o velório das cantoras Leny Andrade e Dóris Monteiro, amigas que se despediram da vida nessa segunda-feira (24).

Carioca e torcedora do Flamengo, Leny Andrade era considerada uma das mais importantes vozes do país, reconhecida inclusive no exterior. Dona de uma versatilidade musical única, ela ultrapassou fronteiras cantando bossa nova e samba jazz.

A artista de 80 anos estava internada no Hospital de Clínicas de Jacarepaguá, na zona oeste carioca, tratando de uma pneumonia. Após o velório, o corpo de Leny Andrade será cremado no Memorial do Carmo, no Caju, zona portuária da cidade.

Também nessa segunda-feira a carioca Dóris Monteiro morreu de causas naturais, em casa, aos 88 anos. O corpo de Dóris também será cremado.

Conhecida por sua voz suave e interpretação marcante, Dóris começou a cantar profissionalmente ainda na adolescência, no fim da década de 40. Nos anos 50, ela se consagrou como uma das maiores intérpretes do país.



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *