+55 (11) 937.049.607


A Moto1000GP confirmou neste domingo a segunda morte decorrente do grave acidente que suspendeu as atividades da etapa de Cascavel. O piloto André Veríssimo também não sobreviveu ao impacto sofrido na corrida realizada neste dia 27.

“O Moto1000GP comunica o falecimento do piloto André Veríssimo Cardoso, envolvido em grave acidente com o piloto Érico Veríssimo da Rocha durante a primeira volta da categoria GP 1000 na tarde deste domingo (27) durante a quarta etapa do Campeonato Brasileiro de Motovelocidade em Cascavel (PR).”

O editor recomenda:

“André Veríssimo, de 42 anos, foi encaminhado pela equipe de resgate do campeonato em estado gravíssimo para unidade hospitalar de referência. Segundo informações médicas do hospital, após atendimento emergencial, ao ser encaminhado para o centro cirúrgico, ele teve uma parada cardiorrespiratória não resistindo e vindo a falecer.”

“Infelizmente um dia lindo de corridas se transformou em um dos dias mais tristes da história do Moto1000GP. Nesse momento nossos pensamentos e preces estão inteiramente direcionados às famílias e aos nossos amigos e pilotos que partiram.”

André esteve envolvido em um acidente ocorrido ainda na primeira volta da corrida, que causou também a morte de Érico Veríssimo. Segundo a categoria, apesar do mesmo sobrenome, os pilotos não tinham parentesco.

A direção de prova interrompeu imediatamente a prova, que não foi retomada e o atendimento foi iniciado logo na sequência com a chegada da equipe médica. Com a interrupção, a prova que viria na sequência, uma endurance com duração prevista de duas horas, foi suspensa também.

André iniciou sua trajetória no mundo das motos quando tinha 11 anos, e teve uma longa trajetória no esporte, com sucesso em categorias como o SuperBike Brasil e o Moto1000GP.

Em 2020, ele chamou a atenção por uma cena inusitada durante uma prova da categoria Evolution da SuperBike Brasil. Na ocasião, em dezembro daquele ano, ele estava próximo de garantir a vitória em uma das corridas da etapa de Goiânia e resolveu celebrar o triunfo antes de cruzar a linha de chegada.

Segundo e terceiro colocados, Osvaldo J Filho e Marcelo Skaf, aproveitaram a distração de André para ultrapassá-lo, com ele terminando na terceira posição.

Na época, André brincou nas redes sociais: “Falaram que não deu pra ver, mas eu vi! Eles cresceram muito rápido! Que vacilo! Eu vim comemorar com a equipe, achei que dava. Pensei: tem um espaço grande. E aí…”

Massa detalha judicialização da F1 2008 ao Motorsport.com

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #244 – Que tipo de mudanças teremos na F1 após férias? 

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *